Lookbook #7: Whole Love

CW5B0133

O lookbook #7 chegou com uma mistura de peças básicas que amamos e, para completar, cobertas por um kimono estampadão e comprido que encantamos mais ainda. Junta isso, mais o trabalho incrível das fotos do fotógrafo Mário Camarão, mais o píer da Estação das Docas e mais o solzão, só podia ser amor. Belém é muito estrela com esse cenário, não é? <3. (Todas as fotos do lookbook 7 no final do texto)

Tudo aí é super usável, tanto que, em outra ocasião, já tinha sido usado por mim. Não cheguei a registrar com fotos, mas foi no Festival Loollapalooza (tirando o salto, claro). Tudo nele é muito leve, tem nem como combinar com o início de uma tarde de sol até noite.

Começando pelo kimono, total primavera/verão, super fresquinho e esvoaçante, se torna a chave para embelezar qualquer roupa basicona. Esse foi comprado na Forever 21, no valor de R$ 89. Bati o olho e achei maravilhoso. Não resisti (rs). Sei que quando voltei na loja (poucos dias depois) não tinha mais nenhum, mas kimono não falta mais! Tem na Romwe aqui para quem curte fazer compras internacionais. Não tem como pedir internacional? Achamos modelos na lojinha que adoramos, a Oh Céus Store. Quer mais? Vai na Dress To. Olha aqui e mais esse o que ainda tem por lá.

Vamos passar agora para shorts. Esse é da Farm. Um jeans velho amigo hot pants, curtinho e com sua cintura alta. É muito favorita no meu guarda-roupa. Não abro mão de shorts, principalmente desses que são básicos e vão me possibilitar milhares de ideias na hora de montar o todo. Já comprei faz bastante tempo, acredito que esse exato modelo seja difícil de encontrar por lá, mas na própria loja costuma ter vários no estilo.  Ainda assim, para quem não encontrar quando quiser, indicamos os mesmos sites das alternativas de kimono. A Oh Céus Store tem modelos aqui que funcionariam da mesma maneira. Ainda tem a Romwe também. Quer algo mais prático? A loja Marisa tá cheia de modelos hot pants.

A blusa é uma adaptação minha. Quem me conhece sabe, amo sair por aí cortando blusas. Foi o caso dessa, rs. Antes era uma camiseta branca, com mangas e comprida, aí decidi cortar as mangas de maneira cavada. Tenho sempre essa e outras que saio picotando em busca do básico necessário para equilibrar na hora de montar roupas. Experimenta fazer em casa! Faz bem e gasta quase nada além do seu tempo. Pode pegar qualquer uma das que tem por aí,  tem aquela do namorado/amg/família (risos).

Partindo para os acessórios, vamos falar da mochilinha <3. Teve um post sobre elas aqui, com tudo aquilo que pensamos e o quanto adorávamos desde adolescentes. Agora, em alguns modelos repaginados, adotamos algumas também. O modelo da foto é mais um da Forever 21. Não sei se recomendo bolsa da loja, porque tem beleza, mas vai faltar resistência. Se você é tipo eu que, quando compra uma bolsa nova, abandona quase sempre as outras e fica só com essa, também vai sentir tanto quanto eu o peso, porque quando não tem tanta qualidade, que é o caso das da Forever, usando direto elas se acabam rapidinho. Tem mais, essa ainda custou R$ 129. Não me arrependi, a minha ainda tá inteira, mas se você procura duração, não compre lá. Encontrei modelos relativamente baratinhos na Riachuelo, C&A e Renner, assim vale mais a pena comprar. E tem um modelo parecido com a minha aqui, ó.

Para finalizar, o sapato, outro que não tiro mais dos pés. Já falamos também sobre esses de estilo tamanco, clogs e mules no Shake It (link) <3. É muito encanto por eles! Sempre fica a lembrança de sapatos vintages. Esse aí é da Zara, nova coleção (vai que ainda tem). Custou R$ 189.

E aí, curtiram o Lookbook #7?

Um beijo!

(Fotos na galeria)

Tem também no meu lookbook.nu

Shake It na Forever 21!

image (17)

Há, mais ou menos, 2 semanas o Shake It decidiu visitar a tão esperada Forever 21, a das peças ótimas e de precinhos, qual as filas estavam dando voltas e voltas assim que inaugurou. Aproveitei a viagem para SP e Rio e decidi passar nas duas lojas inauguradas no Brasil, a do Shopping Morumbi e a do Shopping Village Mall para ver como tava de novidades e, claro, ver o que tinha de bom e aproveitar para comprar o que interessasse.

Por sorte não peguei nenhuma fila, assim como por azar também não peguei quase nada de bom comparado com as peças que eu sabia que tinham “voado” por lá. Logo estranhei não passar por filas, que, pelo menos uma semana antes, tinha uma daquelas de dar voltas dentro do próprio shopping. Quem acompanhou por alguns sites conseguiu ver que chegou a ter fila de espera de 5 horas, por uma dessas eu não conseguiria passar, claro, o amor é grande mas também não é desumano, não para isso rs.

image (16)

Visitei primeiramente a de São Paulo, claro que em 2 andares de loja ainda era possível encontrar peças que valiam. Os preços, realmente, brilhavam os olhos: blusas de R$ 25, calças jeans cintura alta por R$ 85, vestido midi por R$ 47 e até menos que isso, bijuterias baratinhas e por aí vai. Ok, a qualidade a gente sabe que não tem como ser das melhores, mas entre as peças que comprei, até então (faz nem 3 semanas e tem coisas que ainda nem usei rs), estão todas inteiras, tirando um anel que comprei que a pedrinha já era fuén. Era notável que a loja já não tava tão cheia de peças quanto deveria. Em São Paulo consegui comprar um kimono incrível por R$ 83, um colar por R$ 15 e uns anéis por R$ 15 cada, além de outras peças que comprei, mas acabei trocando na Forever 21 do Rio de Janeiro.

  • Kimono que comprei ❤ por R$89. As outras peças vocês vão ver nos próximos lookbooks, rs. E tem o presentinho de vcs também — sim, a gente não ia esquecer –, falo sobre essa surpresinha no final do texto.

No dia seguinte já fui pro Rio, e aí já passei na Forever de lá, a situação foi outra, apesar de não ter fila para entrar, na hora de pagar tinha uma enorme, desisti até de provar as poucas peças que encontrei por conta da fila do provador, que tava tão grande quanto. Sim, as pessoas meio que voavam nas peças bonitas que encontravam. Não tinha mais quase nada! As peças que encontrei: uma mochilinha de couro, saia midi verde com botões, uma saia skater daisy print e uma blusa cavada com estampa tribal. Apesar de, aparentemente ter encontrado peças mais diferentinhas na do Rio, a loja de São Paulo estava bem melhor. De todas essas que encontrei no RJ, todas foram garimpadas, praticamente. Encontrando jogada pela loja, no caixa de pagamento, sem ter outras peças iguais. Quase desisto.

forever 21 24

Depois de mais uns dias no Rio para ver o sensacional show da minha vida do Arcade Fire, tive que voltar para São Paulo para os shows do Lollapalooza, e depois de toda a maratona de shows me restaram quase que dois dias ainda na cidade para comprar presentinho que tinha esquecido, então decidi voltar no Shopping Morumbi, lá, entrei mais uma vez na Forever 21, dessa vez a loja estava vergonhosamente vazia, não era possível encontrar absolutamente nada de interessante ali, fiquei assustada! Nunca tinha visto uma loja tão vazia em toda a minha vida.

Em entrevista para o Exame, uma vendedora  da loja informa que o estoque que era previsto para 3 meses de vendas, acabou em aproximadamente 3 semanas. Eles, definitivamente, não esperavam essa correria pela loja. A loja acabou ficando um tempo vazia na espera das novas mercadorias e clientes ainda se decepcionavam com o fato de ter peças lindas nas vitrines, mas que não podem sair de lá, pois elas são vitrines mundiais e só podem ser trocadas com a autorização da sede, mesmo que não exista mais qualquer daquelas peças expostas.

Agora a loja já recebeu novas peças, e a dica para quem quiser ver as melhores é ir pela parte da manhã, já que eles renovam o estoque todos os dias, quando a loja fecha. As filas? Voltaram de novo, claro. rs. Quando vamos conseguir comprar tranquilamente com loja cheia de roupas?  Bom, vamos esperar para ver.

O melhor de tudo isso? É que não podíamos esquecer de trazer um presentinho para vocês, claro! Nos próximos dias, vamos sortear uma peça que trouxemos da Forever para vocês! 😀 Fiquem de olho no Shake It!

Um beijo!

Mochilas: praticidade e casualidade

mochilas 12

Lembro perfeitamente, na década de 90, quando em um certo período passei a usar bolsa tipo mochilinha para ir para o colégio, aquela mais arrumadinha — sem ser aquele mochilão comum que já usei diversas vezes. Adorava! Tinha ganhado algumas opções da mamãe e achava demais! E como tudo que vai volta, as mochilinhas ganharam diversos formatos e voltaram a conviver com a gente.

Mochila sempre foi algo bem casual, cara de dia, tarde e correria e, para isso, não custa nada escolher a nossa favorita e deixar o todo mais bonito, certo? A ideia é vintage (essa palavra que não sai daqui, rs), mas o acessório ganhou estampas e modelos novos, fazendo uma mistura incrível entre o tradicional e o moderninho, criando um super desejo por elas.

Tem estampa floral, tem jeans, tem de couro, estampas étnicas e diversas outras opções de mochilas. O ideal é usar com tênis, rasteiras, botas. Já a roupa pode ir desde o nosso eterno jeans, com calças, shorts, jardineiras, até uma saia midi, skater, vestido e outras opções casuais. Depois de ter uma, difícil é largar.

mochilas 7

mochilas 3

Pesquisei algumas lojas que vocês podem encontrar algumas delas, consegui várias opções e de vários preços, é só escolher a que mais cairia bem em você. As minhas favoritas são as de couro, pretas, sem muitos detalhes, mas teve uma que morri de amores, encontrei da Riachuelo (!!!), linda, marrom, de camurça e de franjas. Foi, realmente, amor a primeira vista.

mochilas 1

mochilas 9

Na loja Marisa tem preta com spikes por R$ 69,99 (aqui), um dos meus modelos favoritos, como tinha dito, é a preta basicona, tem aqui na Oh Céus Store — já falei dessa loja para vocês? já comprei lá e adoro –, étnica também na Oh Céus (aqui), bandeira UK (aqui), oncinha com tachinhas, estampa floral na Black Owl, jeans na Trecos de Panos, couro marrom no Enjoei, as maravilhosas da Urban Outfitters (que já falei aqui que é uma das minhas marcas favoritas <3): mochila marrom de franjas, marrom básica, preta básica e um dos modelos mais vintages que já vi aqui. E, ainda, os da Romwe: azul básica aqui e preta tipo couro aqui. Em todas essas lojas que marquei vocês conseguem encontrar mais modelos, mas essas foram algumas das que escolhemos.

Já tem uma? Conta pra gente o lugar que compraste!

Tem alguma pergunta? É só mandar aqui.

Beijo em vocês!

 

(mais inspirações na galeria – é só clicar na miniatura):