Lookbook #5: Either Way

lookbook 5

Dia de mais um lookbook! Esse, que já é o quinto, chega na véspera do feriadão, pronto para sugerir misturas nos looks escolhidos para as nossas várias programações. Saia skater com estampa, top básico, blusa jeans para compor e as amadas cut out boots. Um look simples para tarde/noite sem precisar passar calor (no caso de Belém e em qual lugar mais estiver rs). Fotos do Mário Camarão e make da Nay alguém duvidava? <3. (Todas as fotos do lookbook #5 na galeria de imagens, final do texto)

Iniciando por uma das peças que considero importantíssima no todo: a saia. Já falamos de saia skater por aqui, não é? Esse tipo de saia é quase que universal, cai bem nas magrinhas, gordinhas, altas e baixas, só basta escolher a favorita. A cintura alta/ajustada e o fato de ter um tecido que não fica colado no quadril, valoriza a ideia toda. Essa é da Farm, coleção antiga — antes da Lola & Tom, comprei em uma promoção maravilhosa! Apenas R$ 48 (!!!). Não dei tanta bola pra ela logo no começo, até por ser bem curta e, apesar de não me importar com isso, a gente sabe que algumas peças chegam a tirar o nosso conforto, mas no caso dessa, usando sem salto alto já rola, além disso, depois notei que conseguia casar a saia com diversos estilos de blusas para mudar as ocasiões de uso.

O top é da marca Topshop, já usei o mesmo no lookbook #3, do Kimono, lembra? Certeza que ele ainda vai aparecer aqui outras milhares de vezes, não tem jeito, é uma peça que vai como base com quase tudo. Recentemente (duas semanas), fui na Topshop do JK, em São Paulo, e vi que ainda tem modelo parecido. Quem mora por lá, claro, pode aproveitar. Vocês também conseguem um modelo parecido aqui e, ainda, contamos possibilidade gigante de encontrar outros idênticos e básicos em vários lugares ou até de pedir para uma costureira fazer, de cortar camisetas pretas e compridas em casa e por aí vai.

A blusa tipo jeans clarinha é Calvin Klein, comprada/trocada em um brechó que eu e uns amigos fizemos há um bom tempo. Bazar é algo divino, né? Só de pensar em peças incríveis que a gente pode conseguir com precinho já anima. Blusa jeans de mangas compridas não tem segredo para achar hoje, certo? Indo na Riachuelo, C&A, Renner, Farm e diversas outras a gente acha facilmente.

E sobre cut out boots: também já falamos aqui (nosso primeiro post sobre moda <3)! Amo a ideia de botinhas vazadas. São confortáveis, ventiladas, curtas, lindas e, no caso dessa minha, cai bem desde o trabalho até a balada. Falamos pelo nosso Instagram e Facebook assim que encontramos essas nas prateleiras da Renner. Compramos por R$ 179 bem investidos e não tiramos mais dos pés. Faz mais ou menos 1 mês desde o dia que compramos, mas fui até a loja esses dias e ainda vi alguns tamanhos. Curtiu? Corre!

Gostou da simplicidade das peças e o resultado final de todas juntas?

Alguma dúvida ou sugestão? Só comentar aqui.

E ah, aproveito para antecipar que vamos reduzir as postagens aqui durante esses dias de feriadão, porque sabemos que vocês estão loucas para aproveitar esses dias fazendo nada ou jogando tudo para o alto. Mas vamos continuar com as nossas publicações no nosso Facebook e Instagram para quem ainda estiver de bobeira.

Beijo e bom feriadão!

(Galeria fotos lookbook #5) 

Lookbook #3: Passenger Side

lookbook 3.1

Já tava na hora do Lookbook #3, né? Decidimos dar um time depois do Carnaval até publicar esse, mas agora acho que já deu. O terceiro look já é um velho conhecido meu, mas nunca esteve por aqui na forma completa. No mês de estreia do site, fizemos um post sobre Kimonos, vocês lembram (aqui o link)? Resolvemos, então, fazer o lookbook dele por aqui. Fotos por Mário Camarão. (lookbook completo no final do texto)

Vamos começar pelo kimono: como falamos aqui, é uma peça que rolou e que ainda tá rolando. Confortável, fresquinho e sempre com uma estampa linda! Podemos usar durante o dia, tarde, noite, o que não falta é oportunidade. É só adequar com a blusa que vamos usar por baixo, sempre um pouco mais justa, já que ele é soltão. Esse meu é da Farm, coleção de 2012 (não, nunca vou enjoar dele). Ok, impossível encontrar o mesmo, hoje, se nem for por desapego de alguém, mas ele está longe de ser um dos únicos modelos. No post feito aqui, deixamos a dica do da Riachuelo, que custava 89 dinheiros, Sholder, a nova coleção da Farm também tm novos kimonos  — aqui — alguns dos modelos já disponíveis nas lojas. Para quem tem uma Topshop por perto, lá também tava cheio e ainda tem a Forever 21 que acabou de inaugurar e tinha uma peça linda lá custando R$ 57,90, certeza que esse já acabou lá, mas outros modelos deles ainda chegam na loja. Nem tá difícil de achar, né?

Bom, o top basicão é da Topshop. Todo preto e curto, não tive nem como resistir só de imaginar quantas vezes e de quantas maneiras eu o usaria. Em promoção, me custou só R$ 39. Uma peça dessas é ideal para usar com outras de cintura alta, shorts, calças jeans, saias skater, midi ou longas. Tendo a cintura alta já fica incrível. Tem uma blusa preta em casa? Corta aí, vai… Sendo manga curta como a minha, longa ou alcinhas, na hora de usar com uma peça alta vai ficar aquele vintagezão lindão. Não tem? Achei uma bem parecida na Renner aqui, além disso, na C&A, Marisa e diversas outras assim vocês conseguem encontrar blusas pretas ou de outras cores básicas.

Shorts: precisamos deles para viver! Nós aqui, definitivamente, temos um relacionamento sério com eles. No calor, eles nos confortam e no frio não escapam com uma meia-calça. Durante o dia, tarde e noite, poderíamos viver com eles, sempre que rolasse (<3). Eu, particularmente, procuro apenas os de cintura alta, além de te possibilitar um visual um pouco mais arrumadinho, para quem não curte sua barriginha/flancos/culotes (tipo eu), ele se torna uma grande companheiro. Esse meu é da Farm, mas é de uma coleção bem antiga, foi uma compra de brechó (dei sorte). Mas podemos encontrar várias adaptações dele! Encontrei um na Black owl Rockstore  — loja que já foi indicada por mim no site, através de uma amiga que já comprou lá — aqui.

Sobre botas, nem preciso declarar amor! Elas sempre aparecem no site, não vivo sem. Essas do lookbook são inspiradas no modelo Susan, da Chloé, diversas marcas se inspiraram e criaram a sua, como Jeffrey Campbell, Schutz, Zara e outras. Essa minha é da C&A, pela Bottero, tem um bom tempo que comprei, mas é possível encontrar modelos parecidos ainda na Zara, Schutz, na própria C&A e em sites como Dafiti, tipo essa aqui. Na época, a minha custou R$ 189,90.

A bolsa de franjas é uma das minhas favoritas na hora de sair de casa. Essa daí, desde que comprei, não sai mais de mim. Gosto do tipo por sempre ficar bem com um tênis, sapatilhas, botas, saltos, de manhã, tarde, noite… Podemos aproveitar muito essa versatilidade. No final de 2012, eu estava enlouquecidamente em busca de uma, até que no início de 2013 a minha mãe fez o favor de encontrar uma na loja Yamada (!!!) e comprou pra mim. Essa custou R$ 200. Essa não tem mais lá, mas encontramos vários modelos, atualmente, na Renner também, na Riachuelo e tem essa aqui na Black Owl! Tá valendo.

Curtiu?

Ideias de peças para o nosso lookbook Shake It ou quer deixar sugestões? Diz aí.

Beijo!

Lookbook #2: Sky Blue Sky

Lookbook 2 (5)

Hoje é dia de mais um lookbook por aqui. Nesse, as peças são bem diferentes entre si, mas ainda em sintonia, por isso a escolha. Tudo é acervo pessoal. Saia midi com fendas: uma das peças chaves do look, também tem botas Jeffrey Campbell, blusa tipo jeans Marisa, relógio dourado Casio e óculos redondinho da galeria Endossa. Fotos do lookbook feitas pelo fotógrafo Mário Camarão.

Sobre a saia: no primeiro momento que olhei para ela, encantei! Ótima para sair durante o dia, tarde, noite + balada e por aí vai. A saia, realmente, cabe para diversas ocasiões. O fato de ser rodadinha ajuda a disfarçar quadril, já a estampa nem tanto. As fendas fazem toda a diferença no modelo midi. E o coloridão estampado no preto é a minha base favorita de estampas. Dificilmente essa saia não ficaria bem em alguém. Ela é da Topshop (<3) e em promoção paguei R$ 189. Considerei um ótimo investimento! Tô certa?

As botas, nada discretas, são Jeffrey Campbell, e prometo que vou lembrar de fazer um post aqui só sobre a marca! Esse par é muito essencial no meu armário. É difícil conseguir dizer não para elas todas as vezes que me arrumo para ir para alguma festinha (rs). Esse modelo ficou reconhecido após diversas pessoas, consideradas influentes no mundo da moda, usarem. Passei um tempo sonhando com elas, olhando em sites de moda, até que criei coragem e juntei uma graninha para investir.  Comprei através do Amazon e esse modelo me custou uma média de R$ 400, transferindo de dólar para real. Apesar do valor, não me arrependi, além de amar o modelo, são super confortáveis (mesmo que não pareça) e dão uma sustentabilidade incrível.

E o relógio dourado Casio? Amo demais! Esse é mais um dos posts que preciso fazer para mostrar os modelos de desejo na marca. Há um tempo comecei a amar alguns dos relógios Casio, esse que uso não é um modelo novo, mas é um dos meus favoritos. A melhor parte é que, para relógios, os preços da marca são bons. E, se eu contar que vocês acham esse tipo facilmente em Belém, e na Yamada Matriz? Pois é, esse foi comprado lá, e não tinha só esse modelo Casio e cor. Foi R$ 139 em promoção, mas agora deve ter voltado para o valor normal R$ 170 (que ainda vale a pena). Não sei como tá o estoque lá, mas certeza que vocês ainda acham. Caso tenha acabado tudo e nas outras Yamadas também, não te desespera que tem em sites como Magazine Luiza, Lojas Americanas, Submarino e outros.

A blusa é da Marisa, comprei tem um bom tempo! Ela faz o tipo jeans sem ser, sabe? A cor lembra, mas o tecido é outro. As pontas na base para fazer a amarração na cintura já existiam, mas as mangas cortadas, não. Antes ela tinha mangas 3/4, como chamam, e decidi que ia reinventar para que ela perdesse um pouco a seriedade que as mangas denunciavam. Depois que fiz um corte reto na costura dos braços, desfiei as pontinhas, assim a amarração + o tipo jeans + o corte reto e desfiado nos braços deixariam a peça de um jeito vintage. E ficou. A blusa foi só R$ 49,90.

Os óculos redondos são básicos e também tornam qualquer look mais diferente. Nesse “retorno” deles, já se tornaram comuns e hoje são encontrados com mais facilidade. Óticas, Marisa, Renner, Riachuelo, sites de lojas internacionais como Motel Rocks, Asos e marcas como Rayban vendem esses e outros modelos parecidos. O meu foi comprado na galeria Endossa, lá na Rua Augusta (São Paulo) e me custou só R$ 39. Depois de ir até uma ótica trocar as lentes para as mais apropriadas, ficou pronto para não sair da minha vida.

Tem alguma sugestão, dúvida ou qualquer pergunta? Comenta aqui com a gente.

Um beijo!